Postagens recentes. Confiram!

sexta-feira, 16 de dezembro de 2011

Colheita - Dinâmica para final de ano

O ano letivo está se encerrando, é hora de realizar reuniões pedagógicas e avaliações para que o grupo possa se reunir e refletir sobre o trabalho que foi feito no decorrer do ano.
As dinâmicas de grupo são boas ferramentas para que possamos atingir as pessoas de forma mais efetiva e conseguir passar mensagens, que muitas vezes não conseguimos verbalmente.
Hoje eu sugiro para vocês a dinâmica da Colheita, que possibilita o trabalho com valores pessoais e respeito.

Objetivos:

Proporcionar ao grupo um momento de retrospectiva sobre suas realizações e mostrar a importância de deixarmos marcas na vida das pessoas.

Material necessário:

Papel e caneta (pode ser folha de sulfite, cartões de cartolina, canetão, caneta hidrocor, caneta esferográfica e etc.)
Tesoura
Música suave de relaxamento

Desenvolvimento:

O facilitador distribui uma folha e uma caneta a cada participante, pedindo que por enquanto deixem em cima da mesa.
Pede-se que os participantes fiquem sentados de forma confortável e de olhos fechados.
Neste momento coloque a música de relaxamento
O facilitador informa:


"A partir deste momento vocês deverão deixar de lado o contexto social e todos os problemas e tensões acumulados durante a semana. Pensem apenas no agora, pense em você. Olhe para dentro de si e pense na sua vida , em toda sua trajetória até o momento presente. Sua faculdade, sua vida profissional, a vida pessoal construída. Tudo o que você realizou , todo sucesso alcançado. Ao pensar nisto, tente lembrar das pessoas especiais que passaram por você na vida. Seu primeiro amigo na escola, seu primeiro namorado, seu gerente. Ao lembrar destas pessoas, pense porque elas foram tão especiais para você. Como marcaram sua vida? Qual aprendizado trouxeram? Pense apenas em sentimentos bons, mas se alguma outra lembrança lhe ocorrer, procure lembrar qual aprendizado este momento proporcionou."

(pausa por alguns minutos)


'Agora começem a abrir os olhos e se mexam na cadeira de maneira vagarosa, sem pressa. Abram os olhos lentamente e, cada um no seu momento, tentem escrever na folha de sulfite todos os sentimentos que vieram à mente. Todo o aprendizado, resultado deste tempo todo de vida, acumulado por você e que recebeu contribuição de tantas pessoas importantes na sua vida. (ex: amizade, amadurecimento, tolerância, proteção)."


Conforme forem terminando, o facilitador pede para que cada participante recorte em volta das palavras e coloque-as no chão em volta de si.

Diga aos participantes que:



"Ao longo da vida plantamos sementes e colhemos realizações assim como as sementes que vocês simbolicamente representam por estas papeletas. Preste atenção quanta coisa boa está rodeando você. Muitas vezes tendemos a não dar atenção para nossas realizações, querendo fazer sempre mais e mais sem nos permitir desfrutar de sementes que deram muitos bons frutos e flores. E até mesmo tendemos a valorizar mais o que o outro já conquistou. Pois bem, conscientize-se de quão realizador(a). Agora como num ato simbólico gostaria de convidar a todos vocês a colherem as boas sementes que plantaram. Sentimentos bons são como riquezas, e como tal se não forem compartilhadas perdem seu valor.
Vamos compartilhar? Troque suas sementes com seus amigos."

Neste momento o grupo se levanta e circulará pela sala trocando entre si as "sementes de experiência de vida."



Ao término pode-se abrir para discussões a respeito da experiência vivida.


2 comentários: