Postagens recentes. Confiram!

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Dia do brinquedo


Olá.

Já que é sexta feira, vamos falar um pouco sobre o dia do brinquedo, prática adotada por muitas escolas.

Na sexta feira ou outro dia da semana, as crianças podem trazer seus brinquedos de casa para brincar com os colegas, cada escola tem a sua maneira de trabalhar, algumas deixam todo o período de aula livre para a brincadeira outras reservam apenas um momento.

Na minha opinião deve ser realizada as atividades de rotina, seguir a aula normalmente e deixar apenas 1 ou 2 aulas para que as crianças brinquem, porque o período todo é muito tempo e a brincadeira pode perder a graça e cair na banalização.

É muito importante que nesse momento de brincadeira o professor observe como os alunos estão brincando, como interagem com os colegas, quais são seus brinquedos e brincadeiras preferidas. Dá para avaliar muita coisa com essa observação, se necessário faça registros.

Circule entre os alunos e faça perguntas, peça para que eles expliquem as brincadeiras, como funcionam os brinquedos e brinque um pouco com eles. Aproveite esse momento para fazer intervenções, ensinando que devemos tratar os colegas com respeito, que podemos compartilhar os objetos e brincar junto e etc.

Uma boa prática é a de ilhas ou cantos, gosto de trabalhar dessa forma com crianças do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental, mas também funciona super bem com crianças de Educação Infantil.

Separe a sala ou o ambiente onde as crianças vão ficar por cantos, coloque o canto do brinquedo, do desenho, da leitura, dos jogos, ou de acordo com as necessidades da sua turma. Divida a turma em grupos e coloque cada grupo em um canto, deixe-os por alguns minutos e depois revese, o grupo que estava no brinquedo vai para a leitura e assim por diante.

Costumo fazer 5 grupos para uma turma de 30 alunos, faço cantinho da leitura, cantinho do brinquedo, cantinho do desenho, cantinho da massinha e cantinho de jogos. 

Reservo uma aula de 50 minutos para o momento da brincadeira, geralmente a última aula, deixo cada grupo 5 minutos em um canto e depois vou coordenando a troca, passo de grupo em grupo para fazer as intervenções e estimular as crianças. Como trabalho com uma turma de alfabetização gosto de utilizar jogos com letras e palavras.

Essa prática costuma dar muito certo e as crianças gostam, o momento do brincar fica mais dirigido e mais rico, posso fazer observações, avaliar meus alunos e fazer intervenções quando necessário.

Experimente fazer com sua turma, pode ser surpreendente, pode até parecer trabalhoso no início, mas depois o resultado é excelente.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais. 

quinta-feira, 19 de abril de 2018

10 atividades com letras móveis


Olá.

Quem trabalha com alfabetização já sabe que os pequenos precisam de contato constante com letras e muito estímulo para que obtenham sucesso.  Por isso hoje trago como dica o trabalho com letras móveis em sala de aula, pode ser de EVA, de plástico, de madeira ou até mesmo de papel.

O trabalho com esse tipo de material ajuda as crianças na identificação das letras e dá a oportunidade para o aluno testar diversas possibilidades antes de escrever no caderno.

Preparei uma lista com 10 atividades que você pode aplicar utilizando esse material, confiram:

1- Manuseio livre


Para iniciar o trabalho com as letras móveis, reserve uma aula para que os alunos possam manusear as letrinhas livremente, essa etapa é importante para que eles conheçam o material, assim quando propor uma outra atividade eles ficarão menos ansiosos e curiosos.

Apresente o material, diga para que serve e deixem que explorem as letras por algum tempo.

2 - Ditado de letras


Aqui sugiro um ditado de letras, mas pode ser de palavras ou frases, vai de acordo com o nível dos seus alunos.

Ofereça uma quantidade suficiente de letras para as crianças e depois dite alguma letra para que eles separem das demais.

3- Pareamento


Essa atividade é bem interessante, ofereça placas com algumas palavras escrita e peça para que as crianças façam o pareamento das letras utilizando as letras móveis.

4 - Leitura e escrita de listas


Para esta atividade faça uma lista, pode ser de frutas, de nome dos colegas, de brinquedos entre outras possibilidades, depois peça para que as crianças reproduzam a lista utilizando as letras móveis, peça para que eles leiam também.

5 - Escrita em duplas produtivas


Forme duplas onde as crianças estejam com as hipóteses de escrita próxima, depois peça para que eles escrevam algumas palavras, pode ser ditado ou lista.

6- Escrita com letras certas.


Ofereça para os alunos as letras certas para a escrita de determinadas palavras, depois você pode ditar a palavra e a criança terá que ordenar as letras para formar as palavras.

7 - Letra inicial


Prepare algumas fichas com imagens, mostre para as crianças e peça para que elas separem a letra inicial daquela figura, você ainda pode variar esta atividade dando palavras escritas e pedir para que eles completem com a letra inicial.

8 - Escrita de parlendas


Escolha uma parlenda que já tenha trabalhado em sala com os alunos, pode até apresentar um cartaz ou utilizar o texto de memória. Peça para que eles escrevam a parlenda ou parte dela utilizando as letras móveis.


9 - Tabela com banco de palavras


Dê para os alunos fichas com figuras para que eles escrevam o nome das figuras, faça um banco de palavras no rodapé da tabela para que eles possam consultar, caso seus alunos estejam num nível mais avançado você pode retirar o banco de palavras.

10 - Completar palavras


Prepare placas com algumas palavras, onde estejam faltando algumas letras, distribua entre os alunos e peça para que eles completem com as letras móveis.

Todas essas atividades podem ser adaptadas de acordo com a necessidade dos alunos, você pode reservar algum momento da aula para que as crianças trabalhem com as letras móveis e incluir esse momento na sua rotina, tenho certeza de que terá ótimos resultados.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Avaliação bimestral de matemática para 1º ano

Olá.

Hoje venho compartilhar com vocês a minha avaliação bimestral de matemática.

Quem me acompanha sabe que este ano estou trabalhando com uma turma de 1º ano, como já estamos aí na reta final do bimestre, resolvi postar aqui um modelo de avaliação de matemática.

Como sempre falo, pode e deve ser adaptado de acordo com a necessidade da turma.

Confiram.




Essa avaliação foi preparada para uma turma que trabalhou com sequência numérica de 0 a 10, noção de quantidade, formas geométricas, noção de grande e pequeno, noção de dentro e fora, noção de em cima e embaixo e conceito de adição.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Sequência didática de adição para 1º ano



Olá.

Sabemos que trabalhar com sequência didática ajuda na organização das aulas e os alunos podem compreender melhor determinados conteúdos. A sequência didática é uma ótima ferramenta para a sala de aula, pois  pode trazer inúmeros benefícios e não necessita de um produto final.

Hoje trago como sugestão uma sequência didática de adição, que foi trabalhada com uma turma de 1º ano, para apresentar a adição. Você poderá adaptar de acordo com as necessidades da sua turma.

Vamos conferir.


Sequência didática de adição

Objetivo: Trabalhar o conceito de adição.

Duração: 5 aulas 

Público alvo: Turmas de 1º ano.

O ideal é que esse trabalho se inicie a partir de um material concreto. Mostre para os alunos como funciona a soma com a ajuda de objetos, pode ser material dourado, tampinhas, palitos e etc.

Aula 1  

Propor um problema de adição e oferecer material concreto para que as crianças resolvam, durante a aula mostrar para o aluno como se faz a operação.

Aula 2

Nesta aula passe uma série de desafios de adição para que os alunos resolvam utilizando cálculo mental, faça em formato de Quiz e torne a aula divertida.

Aula 3

Nesta etapa da sequência é hora de propor alguns desafios por escrito e pedir que os alunos resolvam utilizando material concreto.

Aula 4 

Agora mostre aos alunos como é o algoritmo da adição, uma forma de fazer isso é utilizando cartazes interativos, onde a participação das crianças é intensificada.

Como eles ainda são pequenos no 1º ano, talvez muitos alunos não consigam abstrair e compreender o algoritmo da adição, mas com certeza essa sequência vai ajudá-los na construção do conceito de adição.

Aula 5 

Essa é a última etapa da nossa sequência didática, aqui é o momento de fazer uma revisão de tudo que foi visto, para isso use um jogo de trilha ou cartas.

É fácil montar uma sequência didática e tornar as aulas mais dinâmicas e interessantes, você pode utilizar essa ferramenta em todas as disciplinas, pode criar sequências longas ou mais curtas.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.





quarta-feira, 11 de abril de 2018

Avaliação da hipótese de escrita






Olá.

Hoje vamos falar de uma ferramenta muito utilizada pelos profissionais que trabalham com alfabetização, que é a sondagem.

A sondagem é uma atividade realizada para avaliar a hipótese de escrita na qual a criança se encontra.

Como fazer.

Para realizar uma sondagem você deve fazer de forma individual, chamar uma criança de cada vez.

Dê um papel e um lápis para o aluno e peça para que ele escreva algumas palavras.

Você deve ditar 4 palavras do mesmo campo semântico, depois você deve ditar uma frase simples que tenha uma das palavras anteriores. É importante que as palavras sejam ditadas na seguinte ordem:
1º uma polissílaba;
2º uma trissílaba;
3º uma dissílaba;
4º uma monossílaba

E por último a frase contendo uma das palavras do ditado.

Depois peça para que a criança leia e observe como ela faz a leitura, se ela aponta com o dedo, se lê silabando ou se faz uma leitura global.

A leitura deve ser solicitada após cada escrita, sendo assim o professor dita a primeira palavra e pede para o aluno ler, dita a próxima e pede para que o aluno faça a leitura e assim por diante.

A criança pode apresentar as seguintes hipóteses de escrita:

- Pré silábica

Essa hipótese é longa e a criança ainda  não descobriu o que a escrita nota.

Nesse período há um grande trabalho cognitivo.

Algumas crianças ainda não distinguem desenho da escrita.

A criança acha que a escrita deve ser parecida com o objeto (realismo nominal)

- Silábica

Ao ler as palavras pronunciam dividindo-a em sílabas.

Já sabe que a escrita representa o som.

Costuma usar uma letra para cada som.

Nesta fase costumamos analisar dividindo-a em dois sub grupos:

Silábica sem valor sonoro ou quantitativa

A criança coloca uma letra para cada som, mas geralmente as letras usadas não tem a ver com o som das sílabas orais.

Silábica  com valor sonoro ou qualitativa

Nesse caso a criança procura utilizar letras que tenha um som parecido com o da sílaba oral, muitas vezes utilizam vogais.

- Silábica alfabética

Esse é um período de transição da hipótese silábica para a alfabética.

É quando a criança descobre que precisa utilizar mais letras para escrever.

Nesta etapa a criança precisa aprender as consoantes e seus valores sonoros para que possa migrar para a hipótese alfabética.

- Alfabética

Essa se trata da fase final no processo de apropriação do sistema de escrita alfabética, a criança coloca uma letra por fonema, mas ainda comete muitos erros ortográficos.

Após identificar a hipótese de escrita do aluno é possível preparar e aplicar atividades mais adequadas, que ajudem a criança de forma conceitual.

Abaixo segue um modelo de lista para sondagem:


Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.



sexta-feira, 30 de março de 2018

Atividades para 1º ano

Olá.

Hoje vim compartilhar com vocês algumas atividades para turmas de 1º ano.

Sabemos que esse é um segmento difícil de trabalhar e que sofre muita pressão, pois as crianças ainda são pequenas e imaturas e precisam ser alfabetizadas, logo começa uma corrida que pode tirar o sono de muitos professores e deixar os alunos cansados e desmotivados.

Se você trabalha com uma turminha de 1º ano confira algumas sugestões.



A atividade acima, pode ser utilizada para trabalhar com sequência numérica, a criança precisa apenas completar os números até 10. Pode ser realizada em sala de aula ou enviada como lição de casa, como é simples e fácil de ser realizada a criança terá pouca possibilidade de apresentar dificuldades ao realizar a atividade sozinha.

Atividades desse tipo é uma alternativa a repetição de numerais.



Para quem está trabalhando as vogais ou apenas para revisar, esta atividade  aborda a letra  A . O trabalho com recorte é trabalhoso porém rico, pois trabalha a coordenação motora, a atenção, que a criança terá que ter ao procurar a letra e geralmente é uma atividade que eles adoram!

Se você preferir também pode enviar como lição de casa.





Nesta atividade trabalhamos noção de quantidade, representação numérica, formas geométricas e coordenação motora fina. Quanta coisa não é mesmo? isso em uma simples atividade. Pode ser aplicada em sala ou como lição de casa.




Essa atividade foi utilizada para trabalhar as partes da casa, antes recomendo que faça uma roda de conversa sobre o tema e que mostre imagens de partes de uma casa.

Mostre o desenho para os alunos e pergunte onde fica cada parte, cozinha, sala e etc.

Depois que os alunos identificarem é hora de recortar as palavras ao lado e colar nos locais correspondentes. Como a atividade foi preparada para uma turma de 1º ano, foi considerado que as crianças ainda não estão alfabetizada, por isso é recomendado que o professor faça um cartaz ou um desenho na lousa e identifique cada palavra mostrando para as crianças onde está escrito cozinha, sala e as outras palavras.

Auxilie os alunos durante as atividades e chame atenção deles para as letras que já conhecem, para os sons da mesma.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 29 de março de 2018

Semanário para Educação Infantil - 4


Olá.

Hoje tem mais uma sugestão de semanário para quem trabalha com Educação Infantil, lembrando que as atividades podem ser adaptadas de acordo com as necessidades de cada turma.

Confiram.



Aqui no blog tem outras sugestões de semanário, basta pesquisar no índice, da coluna à esquerda.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 28 de março de 2018

Modelo de relatório geral da turma


Olá.

Algumas escolas pedem que o professor apresente um relatório geral da turma durante o conselho de classe ou em outras situações, a nomenclatura pode variar para "relatório da turma",  "relatório do perfil da sala" e etc.

O importante é saber que, quando se faz um relatório geral da turma, você deve falar do grupo e não de alunos de forma isolada ou individual.

Escreva como é a turma, comece pela composição da turma, quantidade de alunos, quantas meninas, quantos meninos, faixa etária. Outro aspecto que precisa ser abordado é o comportamento da turma, se os alunos são falantes ou apáticos, participação, interesse e etc.

Questões de aprendizagem, coloque se a turma apresenta dificuldades em algum conteúdo, se conseguiu alcançar os objetivos estabelecidos no planejamento.

Segue um modelo de relatório que pode servir de exemplo.

________________________________________________________________________________

Escola: (coloque o nome da sua escola)
Turma:(identifique sua turma)
Professora; (Não esqueça de se identificar)

A turma é composta por 27 alunos, sendo 15 meninas e 12 meninos, na faixa etária de 7 anos. As crianças apresentaram boa adaptação e já  estão acostumadas com a rotina escolar.
Eles são agitados e caminham pela sala a todo momento, falam bastante o que dificulta na hora de aplicar atividades que exijam atenção e concentração.

Estamos trabalhando com combinados frequentemente para melhorar o tipo de comportamento citado acima.

A maior parte da turma, mesmo com os problemas de comportamento já mencionados neste relatório, conseguiram acompanhar os conteúdos trabalhados durante o bimestre adequadamente.

Eles demonstram gostar mais das atividades de Linguagem Oral e Escrita que de Matemática, ficam muito animados em dias que trabalhamos com atividades lúdicas, como jogos.

Os momentos de leitura também estão sendo apreciados pela turma e já é notável que o interesse por livros está crescendo entre os alunos, que muitas vezes prefere os cantos de leitura.

Para o próximo bimestre considero importante reforçar atividades que estimulem a atenção e concentração.

________________________________________________________________________________

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 21 de março de 2018

Como organizar documentos para o conselho de classe


Olá.

O ano passa rápido, não é mesmo? Já estamos no meio de março e logo, logo começa a corrida rumo ao conselho de classe.

Muitas vezes deixamos as coisas para a última hora e quando nos damos conta falta apenas uma semana para o conselho de classe acontecer e temos que preparar relatórios, gráficos, documentos, diário, fechar notas, tudo em cima da hora.

Para evitar que isso aconteça hoje tenho algumas dicas práticas para você organizar seus documentos para o conselho de classe e ficar sem preocupações de última hora.

Então vamos conferir as dicas:

1 – Faça um levantamento de tudo que você precisará levar para o conselho.

 Cada escola realiza o conselho de uma maneira, algumas pedem relatórios, notas e pilhas de documentos, outras já preferem conversar mais e ter menos papeis para analisar.

Se for necessário procure a direção ou coordenação da escola e pergunte, assim não corre o risco de colher informações errôneas.

2-  Verifique o que já está pronto

. Agora, que já tem a lista dos documentos que precisará apresentar, verifique o que já tem feito.

Por exemplo, se sua escola pede relatórios geral da turma, notas com médias fechadas e um gráfico de evolução, veja o que tem pronto, se já aplicou as avaliações e corrigiu, já tem as notas, nesse caso só falta fechar as médias. Anote o que precisa fazer e o que já está pronto.

3 - Faça uma lista de prioridades.

 Olhe sua lista de tarefas, veja tudo o que tem para fazer, agora selecione o que é mais urgente.

O diário de classe tem um prazo maior para entregar? Até alguns dias depois do conselho? Então ele pode ficar para depois.

O relatório da turma deve ser apresentado no dia do conselho? Então comece a elaborar.
Precisa fechar as notas? Então comece a aplicar suas avaliações. Não se esqueça que precisará de um prazo para corrigir e lançar as notas.

4 – Saiba quanto tempo leva para executar cada tarefa.

Faça uma reflexão sincera, quanto tempo precisa para corrigir 30 avaliações. E para digitar as notas.

Mensure isso com atenção, se for preciso marque no relógio o tempo que gasta com uma tarefa, assim saberá exatamente quando começar para não ficar com seus documentos atrasados.

5 – Não procrastine

Evite perder tempo na sala dos professores ouvindo “aquela colega”  reclamar da vida ou que tem muito trabalho.

Aproveite o tempo em que está na escola, cada minuto. Concentre-se na execução de uma tarefa e mantenha o foco, não deixe os outros o distrair, se não quem vai ficar com mais trabalho e acabar levando serviço para casa é você.

Se for preciso procure um lugar mais calmo, fique na sala de aula, se sente na arquibancada da quadra, num banco  em qualquer cantinho mais calmo ou coloque um fone no ouvido com uma música que não atrapalhe sua concentração.  Seus colegas podem até fazer piadas e estranhar seu comportamento, mas quando  a data do conselho se aproximar e você estiver com tudo pronto e eles sobrecarregados levando trabalho em excesso para casa, você verá que o esforço valeu a pena.

6 – Execute uma coisa de cada vez

 Mantenha o foco e termine uma tarefa para iniciar a outra, seguindo sua lista de prioridades.

Bom, minhas dicas são essas, é assim que eu trabalho e vêm dando muito certo.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.



terça-feira, 20 de março de 2018

Boneco de planta


Olá.

Sair um pouco da sala de aula, mesmo que seja esporadicamente, dá um ânimo novo para as crianças, eles espairecem um pouco e ficam mais interessados e focados.

Atividades fora da sala de aula são ótimas para trabalhar projetos, sequências didáticas ou mesmo atividades cotidianas e regulares.

Pensando nisso, trouxe uma sugestão de atividade que podemos realizar com os pequenos da Educação Infantil e até mesmo com alunos do Ensino Fundamental.

A proposta é confeccionar um boneco de planta, podemos trabalhar ciências, plantas, meio ambiente, corpo humano e noção de esquema corporal.

Desenvolvimento da atividade

Primeiramente faça uma roda de conversa  e fale sobre o tema escolhido, verifique os conhecimentos prévios e etc.

Depois explique como será a atividade, que eles vão sair da sala para colher folhas e plantas, que terão que montar um boneco com este material.

Antes de sari da sala não esqueça de fazer os combinados, para que tudo corra bem durante a aula.

Depois que eles colherem o material forneça folhas de sulfite e peça para os alunos montarem o boneco.

Você pode colocar um papel contact transparente por cima, ou uma fita adesiva transparente para fixar o boneco no lugar.

Para finalizar monte um painel com as atividades, vai ficar lindo!

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.


segunda-feira, 19 de março de 2018

Receita para páscoa


Olá.

A Páscoa está chegando e nós sabemos que precisamos preparar alguma coisa, afinal é uma data que não dá para passar batido, não é?

As crianças já ficam ansiosas esperando o que vamos fazer, aqui no blog tem algumas sugestões de lembrancinhas, coelhinhos  e atividades para Páscoa, mas hoje trago como sugestão uma receita muito boa.

Adorei essa receita, de pirulito de biscoito, ela é fácil de fazer, simples, utiliza poucos ingredientes e não faz muita bagunça, ideal para ser trabalhada em sala de aula. Pois sabemos que muitas escolas não tem como disponibilizar a cozinha para as crianças executarem uma receita e nem possuem um espaço específico para isso.

Então com essa receita você poderá trabalhar em sala de aula e terá sucesso garantido.

Segue a receita.

Ingredientes:

Biscoito do tipo Maria ou Maizena
Brigadeiro
Palito de sorvete ou de pirulito
Chocolate ao leite
Papel manteiga
Chocolate granulado

Modo de fazer:

Passe um pouco de recheio  (brigadeiro) em um biscoito, depois fixe o palito, cubra com outro biscoito e pressione cuidadosamente. Leve a geladeira por alguns minutos para que o palito fique bem fixado, enquanto isso derreta o chocolate.

Pique o chocolate e coloque em um refratário que possa ir ao microondas, leve ao microondas por 40 segundos, mexendo de vez em quando, até derreter todo o chocolate, caso seja necessário deixe mais tempo, sempre parando para mexer e verificar, deve tomar cuidado para não queimar o chocolate.

Depois é só cobrir os pirulitos com o chocolate derretido e colocar o chocolate granulado por cima para decorar. Deixe descansando em cima de um papel manteiga e leve a geladeira ou freezer por uns 20 minutos para o chocolate endurecer, depois pode colocar numa embalagem.

As crianças vão adorar!

Veja o passo a passo da receita no vídeo abaixo.



O trabalho com receita é muito interessante, para todas as faixas etárias. É possível trabalhar Gêneros textuais, escrita, leitura, ortografia, pontuação, conceitos matemáticos e muito mais.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

sexta-feira, 16 de março de 2018

Projeto invenções



Olá.

A dica de hoje é para quem ainda não elaborou seu projeto didático, ainda dá tempo, então tenho como sugestão um projeto que fala sobre as grandes invenções da humanidade, esse tema é muito interessante porque  mexe com a curiosidade dos alunos.

Realizei este projeto com meus alunos  do 4º ano e deu super certo. Confiram.

Projeto Invenções

Público Alvo: alunos do 4º ano
Duração: Durante o decorrer do ano letivo

Justificativa: Tendo em vista que muitas invenções foram de extrema importância para o desenvolvimento da nossa sociedade, e, levando em consideração a curiosidade natural das crianças, optamos por trabalhar um projeto que possibilite o conhecimento de diversas invenções e seus inventores,levando os alunos a  estimular a criatividade e compreender o nosso cotidiano.

Objetivo geral: Ajudar os alunos a perceberem que as invenções são produtos da criatividade humana e que mudam ao longo do tempo.

Objetivos específicos:


  • Conhecer a história das grandes invenções;
  • Identificar os inventores;
  • Reconhecer a evolução tecnológica de alguns objetos;
  • Esclarecer sobre as invenções e o contexto em que os objetos foram criados;
  • Confeccionar modelos de algumas invenções.
Metodologia:

Pesquisas;
Leitura do livro "Como fazíamos sem...";
Visita a museus;
Confecção de modelos de invenções;
Roda de conversa;
Preenchimento de fichas biográficas dos inventores.

Invenções que serão abordadas:

Telefone;
Televisão;
Computador;
Avião;
Relógio;
Escova de dentes;
Internet.

Avaliação:

A avaliação será realizada em um processo contínuo e reflexivo, observando o desenvolvimento das atividades propostas, durante o decorrer do projeto, analisando o trabalho em grupo, a criatividade e autonomia dos alunos.

Ponto de culminância:

Realização de uma pequena exposição de invenções confeccionadas pelos alunos, juntamente com cartazes explicativos.

______________________________________________________________________________ 

O trabalho com projetos é muito rico, permite a interdisciplinaridade e pode tornar as aulas bem mais atrativas.

O projeto sugerido hoje foi utilizado com uma turma de 4º ano, mas nada impede que seja adaptado e trabalhado com diferentes faixas etárias, até mesmo com crianças da Educação Infantil.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.




quinta-feira, 15 de março de 2018

Semanário para Educação Infantil -3

Olá.

O que as pessoas mais me pedem aqui no blog é o semanário, não tem jeito, realmente o semanário é a ferramente que as vezes nos deixa preocupados, pois temos que entregá-lo pronto toda semana com ou sem inspiração.

Então vamos lá... A sugestão de hoje é de um semanário para Educação Infantil, turma de Jardim II, como sempre digo, pode ser adaptado para sua turma de acordo com o nível de desenvolvimento e maturidade dos alunos.

Segue a minha sugestão:


Aqui no blog tem muitas sugestões de semanários, basta você pesquisar no índice ao lado.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.





segunda-feira, 5 de março de 2018

Atividade para alfabetização

Olá.

Sabemos que o processo de aquisição da escrita é longo e trabalhoso. Professores que atuam em salas de alfabetização precisam de atividades lúdicas, criativas e diversificadas.

Por isso no post de hoje vou sugerir uma atividade para quem trabalha com essa faixa etária, como sempre falo, é claro que a atividade pode ser adaptada de acordo com sua turma.

Esse é um jogo que se chama palavra secreta, onde o aluno tem que descobrir qual é a palavra escondida em cada cartão.






Como usar

Distribua as fichas com figuras para os alunos;
Distribua também letras móveis;
Peça para que os alunos observem as imagens e preencha o espaço abaixo com a letra inicial de cada figura;

Se preferir pode acrescentar uma imagem da palavra formada no verso da ficha para que os alunos verifiquem a palavra que formou.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

sexta-feira, 2 de março de 2018

Desenho com rolinho de papel higiênico


Olá.

A sugestão de hoje é uma atividade que estimula a coordenação motora, a criatividade, entre outros aspectos.

A proposta é fazer um desenho utilizando recortes de rolo de papel higiênico, além de ficar lindo esta atividade é ótima para abordar temas como reciclagem, reutilização de materiais e preservação do meio ambiente.

A atividade pode ser aplicada tanto para alunos da Educação Infantil como para os maiores do Ensino Fundamental e podemos trabalhar temas diversos.

Primeiro escolha um tema e converse com os alunos sobre o assunto, na atividade da foto acima, o tema foi meio ambiente e reutilização.

Depois peça para que os alunos pintem os rolinhos de papel higiênico, pode ser com pincel, com o dedo com esponja, como preferir.

Após pintar e secar, peça para os alunos cortar os rolinhos em anéis e tirinhas - com crianças pequenas corte você mesmo.

Depois proponha que os alunos elaborem desenhos com esse material.

Use cola branca para fixar as partes do rolinho no lugar.

Esse tipo de trabalho pode ser realizado em etapas, utilizando mais de uma aula, fica bom para confeccionar painéis e trabalhar conceitos.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.



quinta-feira, 1 de março de 2018

Atividades para 1º ano

Olá.

Esse ano estou trabalhando com uma turminha de 1º ano, então teremos muitas dicas sobre esse segmento aqui no blog, é claro que sempre dá para adaptar as atividades, as vezes uma atividade preparada para uma turma de 1º ano pode ser aplicada tanto para alunos do Jardim II como para alunos do 2º ano, tudo depende da maturidade e do nível de desenvolvimento dos alunos e até mesmo dos objetivos do professor.

Minha turma ainda precisa desenvolver algumas habilidades para começar o processo de alfabetização, então estou buscando atividades mais simples.

Hoje trago algumas sugestões de atividades para 1º ano , que podem ser aplicadas individualmente ou em grupo, como você preferir.


Esta atividade serve para trabalhar noção de quantidade e representação numérica, sei que parece algo simples, mas muitos alunos apresentam dificuldades e precisamos trabalhar bastante este conceito, para não ficar cansativo é interessante que as atividades sejam variadas. 

Gosto de utilizar materiais concretos como tampinhas, palito de sorvete, peças de encaixe para trabalhar a noção de quantidade.



Na atividade acima a proposta é que a criança escreva as letras do alfabeto dentro das bolinhas, para que a atividade fique mais lúdica você pode pedir para que eles desenhem uma centopeia depois que escrever as letras.

Você ainda pode fazer um cartaz e realizar a atividade coletiva, pode oferecer as letras do alfabeto já escritas para que os alunos façam colagem, as possibilidades são inúmeras.


Muitas pessoas não gostam de pontilhados e os consideram cansativos e desnecessário, mas na minha opinião tudo depende da forma como é aplicado.

A atividade acima pode ajudar as crianças em relação à coordenação motora, noção espacial, formas geométricas, além de ir desenvolvendo o hábito de realizar atividades, pois muitas crianças quando chegam no 1º ano se recusam a fazer as atividades propostas porque estão acostumadas apenas com brincadeiras e jogos sem ter o registro no papel.

Atividades que envolvem desenhos  e pinturas podem ajudar os pequenos nessa transição, não que as atividades lúdicas, brincadeiras e jogos devem ser excluídos das aulas, mas sabemos que deve haver um equilíbrio, porque em  algum momento será necessário que a criança comece a registrar por meio da escrita.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 28 de fevereiro de 2018

Semanário para 1º ano - semana 2



Olá.

Mais uma sugestão de semanário para quem trabalha com os pequenos do 1º ano, coloquei no título semana 2 apenas por uma questão de organização, mas pode ser utilizado de acordo com as necessidades de sua turma.

Para quem trabalha com esta faixa etária é importante o uso de materiais concretos e de aulas lúdicas, pois os alunos ainda são muito imaturos e a mudança da Educação Infantil para o Ensino Fundamental é brusca para eles.

Segue a sugestão do semanário.


Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

terça-feira, 27 de fevereiro de 2018

Atividades diagnósticas

Olá.

Está certo que as aulas já retornaram há algumas semanas, mas sei que ainda tem muitos professores que estão em fase de diagnóstico com suas turmas, principalmente quem trabalha com crianças na faixa etária de 5 a 6 anos.

Antes de iniciar qualquer tipo de projeto, sequência didática ou até mesmo para planejar suas atividades do dia a dia é preciso conhecer bem a turma e saber exatamente em que nível cada um está.

Para quem trabalha com alfabetização a atividade diagnóstica mais utilizada é a sondagem , ditado que serve para avaliar a hipótese de escrita da criança.

Porém não podemos nos esquecer de que existe inúmeras habilidades que precisamos verificar como a criança desenvolveu, muitas delas requisitos para a alfabetização, então atividades com números, com formas geométricas, cores, brincadeiras  entre outras podem e devem ser usadas para avaliar o desenvolvimento do aluno e fazer um levantamento de seus conhecimentos prévios.

Só assim saberemos que rumo tomar.

Segue algumas atividades que podem ser utilizadas nesta etapa.


Pelo desenho de uma criança é possível avaliar muitos aspectos, a coordenação motora, noção espacial, maturidade e coerência são alguns deles.

Deixe o aluno desenhar livremente e ofereça diversos tipos de materiais.


Esta atividade é uma boa opção para verificar quem já  escreve seu próprio nome, as letras que conhece e a partir daí o professor pode iniciar um trabalho para ajudar os alunos.


Aqui um modelo básico para realizar uma sondagem, lembrando que a mesma pode ser feita numa folha em branco sem ilustrações.

As sugestões de hoje são estas, se quiser saber mais sobre diagnóstico escolar basta clicar aqui e verificas este post sobre o assunto.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

Letras móveis



Olá.

Letras móveis é uma excelente opção para quem trabalha com alfabetização, pois proporciona o contato constante com o alfabeto, dá a possibilidade de desenvolver atividades lúdicas e ajuda a criança a exercitar a escrita.

Esse tipo de material é facilmente encontrado em papelarias, lojas de  materiais escolares ou bazar, mas se caso sua escola não disponibilize as letras móveis ou a quantidade que possui é pouca para o uso da turma toda, uma alternativa é confeccionar suas próprias letras, pode ser com qualquer tipo de material (eva, cartolina, papel cartão).

Corte em quadrados pequenos e depois escreva as letras com caneta hidrocor, ou canetão, se preferir pode imprimir as letras e colar .

Você ainda pode usar tampinhas de garrafa para confeccionar letras móveis, pode confeccionar junto com os alunos e transformar tudo em uma atividade.

As letras da foto acima foram confeccionadas com sobras de cartolina e canetinha, você pode passar um papel contact transparente se quiser que o material fique mais protegido.

Gosto de utilizar letras móveis de diversas formas:

- Manuseio livre, nesse caso observo as palavras que as crianças tentam formar e como está o nível da escrita.

- Ditado.

- Reescrita de pequenos textos.

- Desafios.

Dá para realizar muitas atividades com as letras móveis, é um material indispensável para sala de aula, basta usar a criatividade.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.


segunda-feira, 19 de fevereiro de 2018

Semanário para Educação Infantil - semana 2



Olá.

Hoje trago mais uma sugestão de semanário para Educação Infantil.

Confiram.


Procure mesclar a disciplinas para que possa trabalhar áreas diferentes com uma única atividade.

Espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.


quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Planejamento anual para Educação Infantil


Olá.

Hoje trago uma sugestão de planejamento para Educação Infantil, este planejamento está de uma forma generalizada, você pode adaptá-lo de acordo com as necessidades de sua turma, aumentando ou diminuindo o grau de dificuldade e alterando os conteúdos propostos.




Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 7 de fevereiro de 2018

Semanário para 1º ano - semana 1


Olá.

Hoje a sugestão de semanário é para uma turma de 1º ano, para as semanas iniciais, quando precisamos fazer sondagens e diagnóstico.

Você pode fazer adaptações de acordo com as necessidades da sua turma e exigências da sua escola.


Confiram!


Espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.


terça-feira, 6 de fevereiro de 2018

Semanário Infantil - 1ª semana


Olá!

Fim de férias, início de aula e junto com o retorno vem toda a papelada que precisamos preencher.

Então, para não acumular trabalho e deixar tudo organizado vou postar um modelo de semanário por semana, para servir de inspiração naqueles dias que não temos ideia do que fazer.

Segue uma sugestão de semanário para Educação Infantil, lembrando que você pode adaptá-lo de acordo com sua turma.


Clique sobre a imagem para ampliar.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.