Postagens recentes. Confiram!

terça-feira, 20 de novembro de 2018

Saúde do professor



Olá.

O final do ano já está batendo na porta, não é mesmo? e junto com ele aquela lista enorme de tarefas para cumprir com prazos em cima da hora.

Por isso preparei um post falando sobre a importância de parar um pouco e respirar, afinal sua saúde é o mais importante.

Eu sei que temos muitas tarefas, prazos para entregá-las e que queremos fazer tudo e um pouco mais, mas esse ritmo corrido, muitas vezes acabam interferindo na saúde do professor e até afastando o mesmo de sala de aula.

Pesquisas recentes mostram que é enorme o número de professores que estão afastados por licença médica, isso devido as condições de trabalho (salas lotadas, rotina estressante, muitas horas de trabalho entre outras questões), sei que não é fácil, mas precisamos, sim, de vez em quando colocar o pé no freio e parar.

Precisamos observar o nosso ritmo no cotidiano e tirar um tempo para nós mesmos, ninguém é máquina para trabalhar sem parar. Muitas vezes não conseguimos desligar, levamos sacolas enormes para casa cheias de atividades e provas para corrigir ou quando estamos num passeio com a família estamos pensando em que atividade vamos aplicar na próxima aula.

A dica de hoje é ser mais sereno, parar e refletir sobre nossa prática, precisamos ter consciência de que o aprendizado depende de vários fatores e que nem sempre conseguimos fazer o papel de herói, até porque somos seres humanos como todo mundo e não temos super poderes.

Então aproveite os finais de semana e feriados para descansar, tirar um dia com a família ou com os amigos, ou simplesmente ficar sozinho.

Faça atividades que te dê prazer, esqueça um pouco o trabalho e descubra que existe vida além da sala de aula.

Aí vem aquela pergunta que alguns colegas sempre fazem... "Mas quando eu retornar na segunda feira terei um monte de trabalho acumulado, o que eu faço com essas tarefas? " "Não tem jeito, preciso levar trabalho para casa! só consigo fazer isso em casa!"

Eu sei que tem coisas que a gente acaba levando para casa, como uma pesquisa ou  lançamento de notas, mas a resposta para isso é: Planejamento, é isso mesmo! Planejamento é a palavra chave para se livrar de uma rotina estressante e corrida o tempo todo.

Se você já tem um calendário e já sabe o que vai ter que entregar por que não se planejar para executar as tarefas com calma e em tempo hábil?

Descubra quanto tempo leva para executar cada tarefa e procure um lugar tranquilo na sua escola para fazer isso, deixe de lado aquele colega que fica puxando papo e desconcentra todo mundo, se preciso coloque um fone de ouvido e escute uma música de sua preferência enquanto trabalha, afinal esse horário é destinado para isso, assim suas tarefas estarão sempre prontas e você evita levar trabalho para casa.

Procure aproveitar todo o tempo livre na escola, faça relatórios,nem que seja apenas o rascunho, preencha as fichas dos alunos, diário de classe e tudo que conseguir adiantar nesse período em que está trabalhando.

Quando sair da escola adquira o hábito de tirar um tempo para você, pratique um esporte ou  outra atividade de sua preferência, deixe os problemas da escola na escola.

Você verá que com pequenas atitudes terá mais disposição para trabalhar, mais paciência para lidar com algumas situações do cotidiano e sua saúde física e mental agradece.

Eu espero que gostem.
Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 19 de setembro de 2018

Produção de texto para 1ºano



Olá.

Atualmente não basta apenas alfabetizar é preciso que o indivíduo seja letrado, para isso é necessário uma formação que possibilite a criticidade e o contato com diversos tipos de escrita e gêneros textuais.

A Produção de texto deve ser trabalhada desde cedo, assim como a interpretação, mas como trabalhar essa questão com crianças tão pequenas, que ainda estão em processo de alfabetização? Muitas vezes os alunos ainda não sabem ler.

Existem diversas estratégias e formas para que você trabalhe a produção de texto desde as séries iniciais, assim, preparando o seu aluno para se tornar um escritor competente.

Uma dessas estratégias é utilizar texto concreto, como o da imagem, apliquei essa atividade com uma turma de primeiro ano e foi um sucesso, além de estimular os alunos a escreverem, desperta o gosto pela escrita e pela leitura, além de ser uma atividade divertida.

Segue o passo a passo:

1. Faça uma roda de conversa com os alunos, nesse momento leia um texto concreto para os alunos e explique como é feito esse tipo de texto. Nessa atividade eu utilizei "Jacaré letrado" de Sérgio Capparelli.

2. Depois faça uma lista de animais na lousa, deixe que os alunos sugiram os bichos que irão compor a lista, estimule as crianças a refletir sobre o sistema de escrita, fazendo perguntas (como se escreve? que letra eu uso? e etc.) . Você pode até pedir para algum aluno escrever na lousa o nome de algum animal.

3. Distribua folhas A4 para os alunos e peça que cada um escolha um animal, faça o desenho do contorno do mesmo e depois preencha com o nome do animal, para que fique como o texto do jacaré.

Tenho certeza que a atividade será muito prazerosa, essa é uma boa maneira de começar a trabalhar com produção textual, depois exponha as atividades em um mural. 

Logo abaixo segue o texto "Jacaré letrado", que é  uma sugestão para ser utilizado como exemplo.



Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.


segunda-feira, 27 de agosto de 2018

Interdisciplinaridade



Olá.

Hoje vamos falar um pouco sobre um assunto que já foi muito debatido nas universidades e em escolas, a interdisciplinaridade.

A Interdisciplinaridade se tornou mais conhecida e mais aplicada em sala de aula a partir da Lei de Diretrizes de Bases da Educação (LDB).

Interdisciplinaridade nada mais é do que a ligação de uma disciplina com a outra, de mesclar os conteúdos e aprender de maneira mais rica.

Você pode utilizá-la para unir duas ou mais disciplinas, tornando a aula mais lúdica e significativa. O trabalho com projetos e temas que sirvam de eixo gerador, são propícios para uma aula interdisciplinar.

Ao promover a interação entre diferentes áreas do conhecimento estamos facilitando a formação de um aluno mais crítico e reflexivo, é interessante que a interdisciplinaridade ajude no alcance de metas educacionais.

Antes de trabalhar de forma interdisciplinar, verifique se os assuntos das disciplinas se relacionem e estabeleça um objetivo comum, assim seu trabalho será bem mais fácil.

Outra dica para tornar o trabalho interdisciplinar mais fácil é se basear em situações reais, afinal na vida real as disciplinas são todas interligadas, português acontece junto com matemática e etc.

No vídeo abaixo falo um pouco sobre o tema, confiram.


Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

segunda-feira, 13 de agosto de 2018

Planilhas para avaliação

Olá.

Todos nós sabemos que a avaliação é um processo importante e muito utilizado no processo de ensino e aprendizado. É através da avaliação que conseguimos mensurar o que deu certo e o que precisa mudar na nossa prática pedagógica, quanto o aluno desenvolveu, se tem dificuldades e se conseguimos alcançar as metas e objetivos estabelecidos.

Por isso é muito importante que se faça uma boa avaliação da turma periodicamente, geralmente essa avaliação é bimestral ou trimestral. Podemos utilizar diversas ferramentas para realizar esse processo. Hoje vou falar de uma específica e que utilizo muito no meu cotidiano, que são as planilhas.

Você mesmo pode elaborar um modelo de planilha, de acordo com as necessidades de sua turma.

Pense no que você quer avaliar, depois coloque isso em forma de planilha, logo abaixo segue um exemplo:


Este é um modelo de planilha para a avaliação da leitura e escrita, pode ser utilizada no Ensino Fundamental, mais indicada para turmas de 3º ano em diante, mas nada impede de ser utilizada com alunos menores.

Basta preencher a planilha com o nome dos alunos e depois ir observando a cada dia, reserve um momento do dia para avaliar um aluno especificamente, assim você vai fazendo a avaliação aos poucos e no final do bimestre já terá a planilha toda preenchida. Assim terá dados relevantes sobre seus alunos, de forma organizada será possível levantar rapidamente informações contidas nas planilhas.

Quando chegar o momento de fazer relatórios individuais ou geral, basta recorrer as planilhas  e a partir das informações contidas nela verá que é bem mais fácil e rápido elaborar um relatório e fechar notas.

Gosto muito de utilizar uma planilha para avaliação geral, onde os dados envolve comportamento, engajamento nas aulas e etc.

Segue um modelo:


Experimente trabalhar desta forma, facilitará muito o seu trabalho, se preferir clique nas imagens acima para visualizá-las melhor.

Essas planilhas foram elaboradas para alunos do Ensino Fundamental, mas essa prática pode ser usada também com a Educação Infantil, no caso seria necessário a elaboração de planilhas que contemplem os objetivos propostos para a modalidade, como coordenação motora, noção espacial, conhecimento de cores, socialização e etc.

Fiz um vídeo no meu canal do You tube falando sobre o assunto, confiram.


Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 9 de agosto de 2018

Folclore

texto informativo sobre o folclore.


Olá.

No mês de agosto comemoramos o folclore e a maior parte das escolas cobram que os professores façam algum trabalho relacionado a esse tema.

Pensando nisso, no decorrer deste mês vou postar algumas dicas de como trabalhar com o folclore, então fiquem ligados aqui no blog, para ficarem por dentro de todas as novidades!

O folclore é um tema muito importante e deve sim, ser trabalhado nas escolas, não apenas no mês de agosto, mas nossas tradições e cultura devem ser lembradas durante todo o ano.

Quanto antes começamos a desenvolver o tema, mais rica serão as aulas e mais significativo será o nosso trabalho, para iniciar sugiro uma boa roda de conversa sobre o assunto, faça um levantamento e veja o que as crianças sabem a respeito do folclore.

A roda de conversa pode ser explorada desde os pequenos da Educação Infantil até com os maiores do Ensino Fundamental, afinal, quem não gosta de uma boa conversa?

Depois da roda de conversa leia um texto informativo, esse tipo de leitura também pode ser realizada desde a Educação Infantil até o Ensino Fundamental, para os maiores é possível até trabalhar com interpretação de texto, pesquisa e produção textual.

Abaixo segue um modelo de texto informativo o qual você pode utilizar com sua turma.

Clique na imagem para visualizar melhor.


texto informativo sobre folclore para imprimir

Após a leitura do texto proponha uma pesquisa ou inicie a confecção de um painel sobre o folclore, essas atividades podem enriquecer ainda mais a sua aula.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

terça-feira, 7 de agosto de 2018

Semanário para Educação Infantil - Mês de agosto



Olá.

Na semana passada postei aqui no blog uma sugestão de semanário que contempla todo o mês de agosto, como sei que temos muitos leitores que trabalham com Educação Infantil, não poderia deixar esse segmento de fora.

Então hoje trago quatro modelos de semanário para Educação Infantil, um para cada semana do mês, sendo assim ele serve para todo o mês.

Esses modelos foram elaborados para uma turma de Jardim I (faixa etária de 4 anos), mas pode ser tranquilamente adaptado para crianças de menores ou maiores, acrescentar mais dificuldade nas atividades ou menos, de acordo com a necessidade da turma.

Segue os modelos abaixo:

Clique nas fotos para visualizar melhor, caso queira imprimir recomendo que as salve primeiro, para garantir a qualidade da impressão.

Semana 1




Semana 2




Semana 3



Semana 4




As atividades realizadas na Educação Infantil são sempre muito gostosas de trabalhar e permite uma flexibilidade muito grande na hora de aplicá-las, tornando o semanário fácil de adaptar para diferentes turmas.

Não deixe de prepara seus semanários para este mês, assim conseguirá otimizar o tempo e diminuir a carga de trabalho.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

segunda-feira, 6 de agosto de 2018

Lembrancinha para o dia dos pais



Olá.
O mês de agosto já chegou e junto com ele vem o dia dos pais, como algumas pessoas entraram em contato comigo pedindo sugestões de lembrancinha para essa data, fiz um apanhado de tudo que já postei aqui no blog e trouxe para vocês diversas possibilidades de lembrancinhas, fáceis de fazer e de baixo custo.

A começar pela da foto acima, um cartão com a impressão do pé da criança, esse tipo de lembrancinha é ideal para quem trabalha com berçário ou mini maternal, onde os alunos ainda são muito pequenos.


Aqui temos uma sugestão que eu considero super fofa! um bloquinho de anotações em formato de camisa, muito fácil é só fazer a camisa em EVA e colar o bloquinho em cima, fica um charme.




Aqui temos uma sugestão mais tradicional, porém funciona muito bem. Uma caneca de café da manhã, já que nem sempre é possível dar uma cesta para cada papai, não é mesmo?

Foi montada de forma simples e fácil e fica muito bonita, é só comprar uma caneca ou pedir para que os alunos tragam a caneca, colocar alguns itens de café da manhã, como torrada, um sachê de chá, um queijo tipo polenguinho e etc.

Depois embale com papel celofane ou um saquinho transparente, confeccione um cartão bem simples para entregar junto com a caneca. Tenho certeza que o papai vai amar.





Uma camisa, que pode ser confeccionada tanto com papel color set, que tem umas cores bem vivas, ou com EVA, acrescentamos uma caneta e temos uma lembrancinha chique e estilosa.

E o melhor fácil de confeccionar e de baixo custo.



Atualmente o porta celular, para ser usado na hora de carregar é uma lembrancinha muito útil e está super em alta. 

Pode ser confeccionado com EVA, basta usar a criatividade e terá uma lembrancinha linda e fácil de fazer.



Aqui temos esta dobradura super fácil de fazer e que fica um charme. ótima opção para quem deixa esta tarefa para última hora.

Logo abaixo tem um vídeo, onde eu mostro como fazer algumas lembrancinhas. Assistam e confiram as sugestões.



Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

sexta-feira, 3 de agosto de 2018

Manuseio de números móveis


Olá.

Muitas vezes quando estamos elaborando nosso semanário e preparando as aulas, colocamos como atividade "manuseio de letras móveis", esse manuseio nada mais é do que deixar a criança brincar livremente com o material, a partir daí pode surgir variações para o enriquecimento da atividade.

Na proposta de hoje substitui as letras pelos números e assim, podemos acrescentar essa atividade na área de matemática.

Principalmente na Educação Infantil o manuseio desse tipo de material é muito importante, porque proporciona a criança a possibilidade de aprender de forma lúdica.

Assim como as letras, com os números existem muitas maneiras de trabalhar com os alunos, algumas estão listadas logo abaixo:

Manuseio livre: Essa deve ser a atividade inicial, reserve uma aula e ofereça o material para os alunos e deixem que eles manusear livremente, aproveite o momento para observar os pequenos, repare como brincam, como interagem uns com os outros, as afinidades, a desenvoltura na hora de conversar e o conhecimento que demonstram sobre o material. Estes pontos são importantes para a elaboração de atividades futuras.

Classificação por cor: Em um outro momento você pode trabalhar as cores, pedindo para que os alunos separem as peças em grupos de cores diferentes, você pode oferecer recipientes e pedir que coloquem apenas peças amarelas, por exemplo, pode oferecer um suporte de cada cor e pedir para separar as peças de acordo com a cor correspondente ou ainda pode pedir que peguem uma peça de uma determinada cor, assim poderá avaliar quem conhece e identifica as cores, seria como um ditado de cores.

Representação numérica: Esse material é excelente para trabalhar a representação numérica. Você pode pedir para as crianças separarem apenas um determinado número ( separe o número 1 ) e verificar se as crianças identificam os números e quais são as dificuldades da turma.

Ainda dentro da representação numérica podemos trabalhar, também, um pouco da coordenação, pedindo para o aluno colocar os números numa folha e contorná-los, depois pintar.

Sequência numérica:  A sequência numérica é uma questão importante e que deve ser trabalhada desde cedo, podemos pedir para os alunos colocarem os números na sequência.

Essas são apenas algumas de tantas atividades que podemos explorar utilizando esse tipo de material, sem deixa de destacar que é uma ótima ferramenta para fazer avaliações na Educação Infantil.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 2 de agosto de 2018

Semanário para 1º ano - mês de agosto



Sugestão de semanário para o mês de agosto


Olá.

O Semanário é uma tarefa que a maioria das escolas exige que seja realizada pelo professor, isso demanda um certo tempo do profissional, que pode ter dificuldades de elaborar o documento se estiver em um dia de pouca ou nenhuma inspiração.

Por isso, hoje resolvi trazer sugestão de semanário para todo o mês de agosto, isso mesmo! elaborei um modelo de semanário para uma turma de 1º ano, para ser utilizado durante o mês inteiro.

Gosto de elaborar o meu semanário para o bimestre ou para o mês, assim já sei quais atividades vou aplicar e posso providenciar os materiais com antecedência.

Abaixo disponibilizo quatro modelos de semanário, um para cada semana do mês de agosto. Como sempre as atividades podem ser adaptadas de acordo com o nível da turma, o semanário foi elaborado para uma turma de 1º ano, mas dependendo do tema pode ser adaptado até mesmo para uma turma de 2º ano.

Confiram.

Semana 1 


As disciplinas de História, Geografia e Ciências estão como "Ciências integradas" e serão trabalhadas de maneira interdisciplinar.

Semana 2



Clique nas imagens para visualizar melhor. 

Semana 3



Semana 4



Caso queira imprimir salve as imagens primeiro, assim a qualidade ficará melhor.

Esse é apenas uma das inúmeras maneiras que podemos elaborar um semanário, um modelo para servir de sugestão, as modificações devem ser feitas de acordo com a necessidade dos alunos.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 1 de agosto de 2018

Planejamento para 3º bimestre



Olá.

Depois de aproveitar o período de férias e recarregar as baterias é o momento de voltar às aulas e começar tudo de novo.

É hora de fazer um bom planejamento, rever o que foi trabalhado no primeiro semestre do ano, analisar como a turma reagiu à dinâmica das aulas e o que foi assimilado do conteúdo, ver o que precisa ser retomado e o que deve seguir em frente.

Isso é muito importante para ajustar as práticas pedagógicas e ajudar no desenvolvimento dos alunos.

Segue um modelo de planejamento que pode servir de inspiração. Pode ser adaptado para atender as necessidades de sua turma.

Planejamento para o 3º bimestre

Turma: 1º ano

Língua Portuguesa


Objetivos:

- Conhecer o uso e funções da escrita dentro de uma rede de práticas sociais;
-Refletir sobre o sistema de escrita por meio de leitura de textos conhecidos de memória;
- Antecipar conteúdos de textos a serem lidos em função de seu suporte, seu gênero e sua contextualização;
- Usar a língua falada em diferentes situações.

Conteúdos:

- Elaboração e registro de pequenas frases com ideias claras;
- Atribuição de títulos a pequenos textos;
- Ilustração de textos evidenciando compreensão da escrita;
- Reconhecimento de histórias em tirinhas e sequência de fatos , tempo e espaço;
- Leitura de alguns gêneros textuais como canções e poemas;
- Reconto de histórias ouvidas e lidas.

Matemática


Objetivos:

- Resolver problemas oralmente;
- Construir significado do número natural a partir de seus diferentes usos no contexto social;
- Perceber semelhanças e diferenças entre objetos no espaço e identificar formas tridimensionais no seu cotidiano.

Conteúdos:

- Situações problemas;
- Escrita de números até 100;
- Relação de números e quantidades;
- Semelhança e diferença entre formas geométricas.

História e Geografia


Objetivos:

- Identificar diferentes tipos de moradia;
- Conhecer mais da cultura popular.

Conteúdos:

- Folclore;
- Tipos de moradia.

Ciências


Objetivos:
- Comparar o desenvolvimento e a reprodução de diferentes seres vivos para compreender seu ciclo vital.

Conteúdos:

- Tipos de animais;
- Mamíferos;
- Ovíparos;
- Carnívoros.

Este é um modelo simples de planejamento, que pode ser muito útil por sua praticidade, pois contém de forma clara os conteúdos a serem trabalhados e os objetivos que se pretende cumprir.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.




segunda-feira, 30 de julho de 2018

Dinâmica de boas vindas

atividade para volta as aulas

Olá.

No post de hoje vim compartilhar com vocês uma atividade muito bacana que realizei com a minha turma, fiz no primeiro dia de aula, no retorno do recesso para receber os alunos.

Sempre que voltamos de um período de férias é interessante receber as crianças com atividades diferenciadas, lúdicas e entre essas atividades está a distribuição de lembrancinhas para volta às aulas.  Uma prática muito utilizada por professores e que faz muito sucesso entre os alunos, afinal quem não gosta de receber um mimo?

Nesse retorno quis fazer uma coisa diferente das lembrancinhas que confecciono e levo pronta para entregar as crianças no final da aula. Foi então que tive a ideia de propor aos alunos que fizessem um cartão de boas vindas para o colega.

Primeiro fiz uma roda de conversa e deixei os alunos falarem bastante, todos queriam contar como foram as férias, depois desse momento distribui material e pedi para que cada criança fizesse um cartão de boas vindas para um colega (tenha o cuidado de verificar se todas as crianças receberão cartão), levei algumas moedas de chocolate da pan, que eles adoram.

Depois cada criança entregou o cartão para o colega junto com uma moedinha de chocolate e deu boas vindas ao amigo dizendo alguma coisa que gosta na escola.

As crianças me surpreenderam, gostaram muito de realizar a atividade e ficaram muito felizes de receber o cartão, percebi que foi uma atividade significativa e motivacional para retomar o trabalho agora no segundo semestre.

Utilizei os materiais disponíveis na escola, papel A4, giz de cera, lápis de cor, canetinhas e as moedas de chocolate pan, inclusive quem quiser tem neste site, é só clicar aqui. Tem muitos produtos bacanas na pan e você tem a opção de comprar pelo site e receber em casa.


atividade com moeda de chocolate

Essa atividade pode ser feita em qualquer período e não apenas no retorno das aulas, basta mudar o tema do cartão. É uma ótima opção para trabalhar amizade, cooperação, produção textual ( já que o aluno deve escrever uma mensagem no cartão) entre outros conteúdos.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

segunda-feira, 23 de julho de 2018

Sugestões de lembrancinhas e dicas para volta às aulas.



Olá.

Depois de alguns dias em casa, de descansar um pouco e recarregar as baterias é o momento de voltar às aulas. E, tanto professores quanto alunos precisam se preparar para esse momento.

Os professores geralmente voltam alguns dias antes das crianças, para fazer o planejamento, organizar a sala entre outras atividades. Aproveite esse tempo e pense em algumas atividades bem lúdicas para realizar com as crianças, pegue leve na primeira semana de aula após o recesso, pois assim como nós adultos (as vezes) voltamos com aquela preguiça, fora de ritmo, os pequenos também retornam fora do ritmo.

Muitas turmas, dependendo da faixa etária, precisam de uma readaptação. Observe se isso será necessário para sua turma, geralmente quando trabalhamos com crianças pequenas, até 7 anos, essa readaptação deve ser considerada com carinho.

Rodas de conversas: São uma boa pedida, a atividade é simples, não precisa de materiais e nem de muita elaboração, basta fazer uma roda e conversar sobre o assunto, deixe as crianças falarem bastante, contar como foram as férias e as atividades que realizaram.

Desenho livre: Pedir para os alunos que façam um desenho sobre as férias, apesar de muito tradicional, é uma boa maneira de recomeçar, muitas crianças gostam de desenhar e essa é uma ótima forma de se expressar. Você pode montar um painel com os desenhos e expor em um local da sala.

Lembrancinhas: Entregar uma lembrancinha para os alunos também é uma ótima maneira de recomeçar as aulas, esse gesto pode motivar os alunos e dar aquele ânimo que precisam para retomar o ritmo das aulas.

As lembrancinhas podem ser algo simples como um bombom, um lápis, um pirulito ou um cartão, qualquer coisa para mostrar ao aluno que você lembrou dele e que ele é bem-vindo.

Segue algumas sugestões de lembrancinhas para a volta às aulas:



Este acima é feito com lápis, você pode usar a criatividade e mudar o tipo de animal.



Aqui atemos uma simples florzinha confeccionada com EVA e um pirulito.



Esses balões são uma fofura! fáceis de fazer podem ser confeccionados com EVA.

Aqui no blog tem outras sugestões para volta às aulas.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

sexta-feira, 20 de abril de 2018

Dia do brinquedo


Olá.

Já que é sexta feira, vamos falar um pouco sobre o dia do brinquedo, prática adotada por muitas escolas.

Na sexta feira ou outro dia da semana, as crianças podem trazer seus brinquedos de casa para brincar com os colegas, cada escola tem a sua maneira de trabalhar, algumas deixam todo o período de aula livre para a brincadeira outras reservam apenas um momento.

Na minha opinião deve ser realizada as atividades de rotina, seguir a aula normalmente e deixar apenas 1 ou 2 aulas para que as crianças brinquem, porque o período todo é muito tempo e a brincadeira pode perder a graça e cair na banalização.

É muito importante que nesse momento de brincadeira o professor observe como os alunos estão brincando, como interagem com os colegas, quais são seus brinquedos e brincadeiras preferidas. Dá para avaliar muita coisa com essa observação, se necessário faça registros.

Circule entre os alunos e faça perguntas, peça para que eles expliquem as brincadeiras, como funcionam os brinquedos e brinque um pouco com eles. Aproveite esse momento para fazer intervenções, ensinando que devemos tratar os colegas com respeito, que podemos compartilhar os objetos e brincar junto e etc.

Uma boa prática é a de ilhas ou cantos, gosto de trabalhar dessa forma com crianças do 1º e 2º ano do Ensino Fundamental, mas também funciona super bem com crianças de Educação Infantil.

Separe a sala ou o ambiente onde as crianças vão ficar por cantos, coloque o canto do brinquedo, do desenho, da leitura, dos jogos, ou de acordo com as necessidades da sua turma. Divida a turma em grupos e coloque cada grupo em um canto, deixe-os por alguns minutos e depois revese, o grupo que estava no brinquedo vai para a leitura e assim por diante.

Costumo fazer 5 grupos para uma turma de 30 alunos, faço cantinho da leitura, cantinho do brinquedo, cantinho do desenho, cantinho da massinha e cantinho de jogos. 

Reservo uma aula de 50 minutos para o momento da brincadeira, geralmente a última aula, deixo cada grupo 5 minutos em um canto e depois vou coordenando a troca, passo de grupo em grupo para fazer as intervenções e estimular as crianças. Como trabalho com uma turma de alfabetização gosto de utilizar jogos com letras e palavras.

Essa prática costuma dar muito certo e as crianças gostam, o momento do brincar fica mais dirigido e mais rico, posso fazer observações, avaliar meus alunos e fazer intervenções quando necessário.

Experimente fazer com sua turma, pode ser surpreendente, pode até parecer trabalhoso no início, mas depois o resultado é excelente.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais. 

quinta-feira, 19 de abril de 2018

10 atividades com letras móveis


Olá.

Quem trabalha com alfabetização já sabe que os pequenos precisam de contato constante com letras e muito estímulo para que obtenham sucesso.  Por isso hoje trago como dica o trabalho com letras móveis em sala de aula, pode ser de EVA, de plástico, de madeira ou até mesmo de papel.

O trabalho com esse tipo de material ajuda as crianças na identificação das letras e dá a oportunidade para o aluno testar diversas possibilidades antes de escrever no caderno.

Preparei uma lista com 10 atividades que você pode aplicar utilizando esse material, confiram:

1- Manuseio livre


Para iniciar o trabalho com as letras móveis, reserve uma aula para que os alunos possam manusear as letrinhas livremente, essa etapa é importante para que eles conheçam o material, assim quando propor uma outra atividade eles ficarão menos ansiosos e curiosos.

Apresente o material, diga para que serve e deixem que explorem as letras por algum tempo.

2 - Ditado de letras


Aqui sugiro um ditado de letras, mas pode ser de palavras ou frases, vai de acordo com o nível dos seus alunos.

Ofereça uma quantidade suficiente de letras para as crianças e depois dite alguma letra para que eles separem das demais.

3- Pareamento


Essa atividade é bem interessante, ofereça placas com algumas palavras escrita e peça para que as crianças façam o pareamento das letras utilizando as letras móveis.

4 - Leitura e escrita de listas


Para esta atividade faça uma lista, pode ser de frutas, de nome dos colegas, de brinquedos entre outras possibilidades, depois peça para que as crianças reproduzam a lista utilizando as letras móveis, peça para que eles leiam também.

5 - Escrita em duplas produtivas


Forme duplas onde as crianças estejam com as hipóteses de escrita próxima, depois peça para que eles escrevam algumas palavras, pode ser ditado ou lista.

6- Escrita com letras certas.


Ofereça para os alunos as letras certas para a escrita de determinadas palavras, depois você pode ditar a palavra e a criança terá que ordenar as letras para formar as palavras.

7 - Letra inicial


Prepare algumas fichas com imagens, mostre para as crianças e peça para que elas separem a letra inicial daquela figura, você ainda pode variar esta atividade dando palavras escritas e pedir para que eles completem com a letra inicial.

8 - Escrita de parlendas


Escolha uma parlenda que já tenha trabalhado em sala com os alunos, pode até apresentar um cartaz ou utilizar o texto de memória. Peça para que eles escrevam a parlenda ou parte dela utilizando as letras móveis.


9 - Tabela com banco de palavras


Dê para os alunos fichas com figuras para que eles escrevam o nome das figuras, faça um banco de palavras no rodapé da tabela para que eles possam consultar, caso seus alunos estejam num nível mais avançado você pode retirar o banco de palavras.

10 - Completar palavras


Prepare placas com algumas palavras, onde estejam faltando algumas letras, distribua entre os alunos e peça para que eles completem com as letras móveis.

Todas essas atividades podem ser adaptadas de acordo com a necessidade dos alunos, você pode reservar algum momento da aula para que as crianças trabalhem com as letras móveis e incluir esse momento na sua rotina, tenho certeza de que terá ótimos resultados.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 18 de abril de 2018

Avaliação bimestral de matemática para 1º ano

Olá.

Hoje venho compartilhar com vocês a minha avaliação bimestral de matemática.

Quem me acompanha sabe que este ano estou trabalhando com uma turma de 1º ano, como já estamos aí na reta final do bimestre, resolvi postar aqui um modelo de avaliação de matemática.

Como sempre falo, pode e deve ser adaptado de acordo com a necessidade da turma.

Confiram.




Essa avaliação foi preparada para uma turma que trabalhou com sequência numérica de 0 a 10, noção de quantidade, formas geométricas, noção de grande e pequeno, noção de dentro e fora, noção de em cima e embaixo e conceito de adição.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 12 de abril de 2018

Sequência didática de adição para 1º ano



Olá.

Sabemos que trabalhar com sequência didática ajuda na organização das aulas e os alunos podem compreender melhor determinados conteúdos. A sequência didática é uma ótima ferramenta para a sala de aula, pois  pode trazer inúmeros benefícios e não necessita de um produto final.

Hoje trago como sugestão uma sequência didática de adição, que foi trabalhada com uma turma de 1º ano, para apresentar a adição. Você poderá adaptar de acordo com as necessidades da sua turma.

Vamos conferir.


Sequência didática de adição

Objetivo: Trabalhar o conceito de adição.

Duração: 5 aulas 

Público alvo: Turmas de 1º ano.

O ideal é que esse trabalho se inicie a partir de um material concreto. Mostre para os alunos como funciona a soma com a ajuda de objetos, pode ser material dourado, tampinhas, palitos e etc.

Aula 1  

Propor um problema de adição e oferecer material concreto para que as crianças resolvam, durante a aula mostrar para o aluno como se faz a operação.

Aula 2

Nesta aula passe uma série de desafios de adição para que os alunos resolvam utilizando cálculo mental, faça em formato de Quiz e torne a aula divertida.

Aula 3

Nesta etapa da sequência é hora de propor alguns desafios por escrito e pedir que os alunos resolvam utilizando material concreto.

Aula 4 

Agora mostre aos alunos como é o algoritmo da adição, uma forma de fazer isso é utilizando cartazes interativos, onde a participação das crianças é intensificada.

Como eles ainda são pequenos no 1º ano, talvez muitos alunos não consigam abstrair e compreender o algoritmo da adição, mas com certeza essa sequência vai ajudá-los na construção do conceito de adição.

Aula 5 

Essa é a última etapa da nossa sequência didática, aqui é o momento de fazer uma revisão de tudo que foi visto, para isso use um jogo de trilha ou cartas.

É fácil montar uma sequência didática e tornar as aulas mais dinâmicas e interessantes, você pode utilizar essa ferramenta em todas as disciplinas, pode criar sequências longas ou mais curtas.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.





quarta-feira, 11 de abril de 2018

Avaliação da hipótese de escrita






Olá.

Hoje vamos falar de uma ferramenta muito utilizada pelos profissionais que trabalham com alfabetização, que é a sondagem.

A sondagem é uma atividade realizada para avaliar a hipótese de escrita na qual a criança se encontra.

Como fazer.

Para realizar uma sondagem você deve fazer de forma individual, chamar uma criança de cada vez.

Dê um papel e um lápis para o aluno e peça para que ele escreva algumas palavras.

Você deve ditar 4 palavras do mesmo campo semântico, depois você deve ditar uma frase simples que tenha uma das palavras anteriores. É importante que as palavras sejam ditadas na seguinte ordem:
1º uma polissílaba;
2º uma trissílaba;
3º uma dissílaba;
4º uma monossílaba

E por último a frase contendo uma das palavras do ditado.

Depois peça para que a criança leia e observe como ela faz a leitura, se ela aponta com o dedo, se lê silabando ou se faz uma leitura global.

A leitura deve ser solicitada após cada escrita, sendo assim o professor dita a primeira palavra e pede para o aluno ler, dita a próxima e pede para que o aluno faça a leitura e assim por diante.

A criança pode apresentar as seguintes hipóteses de escrita:

- Pré silábica

Essa hipótese é longa e a criança ainda  não descobriu o que a escrita nota.

Nesse período há um grande trabalho cognitivo.

Algumas crianças ainda não distinguem desenho da escrita.

A criança acha que a escrita deve ser parecida com o objeto (realismo nominal)

- Silábica

Ao ler as palavras pronunciam dividindo-a em sílabas.

Já sabe que a escrita representa o som.

Costuma usar uma letra para cada som.

Nesta fase costumamos analisar dividindo-a em dois sub grupos:

Silábica sem valor sonoro ou quantitativa

A criança coloca uma letra para cada som, mas geralmente as letras usadas não tem a ver com o som das sílabas orais.

Silábica  com valor sonoro ou qualitativa

Nesse caso a criança procura utilizar letras que tenha um som parecido com o da sílaba oral, muitas vezes utilizam vogais.

- Silábica alfabética

Esse é um período de transição da hipótese silábica para a alfabética.

É quando a criança descobre que precisa utilizar mais letras para escrever.

Nesta etapa a criança precisa aprender as consoantes e seus valores sonoros para que possa migrar para a hipótese alfabética.

- Alfabética

Essa se trata da fase final no processo de apropriação do sistema de escrita alfabética, a criança coloca uma letra por fonema, mas ainda comete muitos erros ortográficos.

Após identificar a hipótese de escrita do aluno é possível preparar e aplicar atividades mais adequadas, que ajudem a criança de forma conceitual.

Abaixo segue um modelo de lista para sondagem:


Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.



sexta-feira, 30 de março de 2018

Atividades para 1º ano

Olá.

Hoje vim compartilhar com vocês algumas atividades para turmas de 1º ano.

Sabemos que esse é um segmento difícil de trabalhar e que sofre muita pressão, pois as crianças ainda são pequenas e imaturas e precisam ser alfabetizadas, logo começa uma corrida que pode tirar o sono de muitos professores e deixar os alunos cansados e desmotivados.

Se você trabalha com uma turminha de 1º ano confira algumas sugestões.



A atividade acima, pode ser utilizada para trabalhar com sequência numérica, a criança precisa apenas completar os números até 10. Pode ser realizada em sala de aula ou enviada como lição de casa, como é simples e fácil de ser realizada a criança terá pouca possibilidade de apresentar dificuldades ao realizar a atividade sozinha.

Atividades desse tipo é uma alternativa a repetição de numerais.



Para quem está trabalhando as vogais ou apenas para revisar, esta atividade  aborda a letra  A . O trabalho com recorte é trabalhoso porém rico, pois trabalha a coordenação motora, a atenção, que a criança terá que ter ao procurar a letra e geralmente é uma atividade que eles adoram!

Se você preferir também pode enviar como lição de casa.





Nesta atividade trabalhamos noção de quantidade, representação numérica, formas geométricas e coordenação motora fina. Quanta coisa não é mesmo? isso em uma simples atividade. Pode ser aplicada em sala ou como lição de casa.




Essa atividade foi utilizada para trabalhar as partes da casa, antes recomendo que faça uma roda de conversa sobre o tema e que mostre imagens de partes de uma casa.

Mostre o desenho para os alunos e pergunte onde fica cada parte, cozinha, sala e etc.

Depois que os alunos identificarem é hora de recortar as palavras ao lado e colar nos locais correspondentes. Como a atividade foi preparada para uma turma de 1º ano, foi considerado que as crianças ainda não estão alfabetizada, por isso é recomendado que o professor faça um cartaz ou um desenho na lousa e identifique cada palavra mostrando para as crianças onde está escrito cozinha, sala e as outras palavras.

Auxilie os alunos durante as atividades e chame atenção deles para as letras que já conhecem, para os sons da mesma.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quinta-feira, 29 de março de 2018

Semanário para Educação Infantil - 4


Olá.

Hoje tem mais uma sugestão de semanário para quem trabalha com Educação Infantil, lembrando que as atividades podem ser adaptadas de acordo com as necessidades de cada turma.

Confiram.



Aqui no blog tem outras sugestões de semanário, basta pesquisar no índice, da coluna à esquerda.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 28 de março de 2018

Modelo de relatório geral da turma


Olá.

Algumas escolas pedem que o professor apresente um relatório geral da turma durante o conselho de classe ou em outras situações, a nomenclatura pode variar para "relatório da turma",  "relatório do perfil da sala" e etc.

O importante é saber que, quando se faz um relatório geral da turma, você deve falar do grupo e não de alunos de forma isolada ou individual.

Escreva como é a turma, comece pela composição da turma, quantidade de alunos, quantas meninas, quantos meninos, faixa etária. Outro aspecto que precisa ser abordado é o comportamento da turma, se os alunos são falantes ou apáticos, participação, interesse e etc.

Questões de aprendizagem, coloque se a turma apresenta dificuldades em algum conteúdo, se conseguiu alcançar os objetivos estabelecidos no planejamento.

Segue um modelo de relatório que pode servir de exemplo.

________________________________________________________________________________

Escola: (coloque o nome da sua escola)
Turma:(identifique sua turma)
Professora; (Não esqueça de se identificar)

A turma é composta por 27 alunos, sendo 15 meninas e 12 meninos, na faixa etária de 7 anos. As crianças apresentaram boa adaptação e já  estão acostumadas com a rotina escolar.
Eles são agitados e caminham pela sala a todo momento, falam bastante o que dificulta na hora de aplicar atividades que exijam atenção e concentração.

Estamos trabalhando com combinados frequentemente para melhorar o tipo de comportamento citado acima.

A maior parte da turma, mesmo com os problemas de comportamento já mencionados neste relatório, conseguiram acompanhar os conteúdos trabalhados durante o bimestre adequadamente.

Eles demonstram gostar mais das atividades de Linguagem Oral e Escrita que de Matemática, ficam muito animados em dias que trabalhamos com atividades lúdicas, como jogos.

Os momentos de leitura também estão sendo apreciados pela turma e já é notável que o interesse por livros está crescendo entre os alunos, que muitas vezes prefere os cantos de leitura.

Para o próximo bimestre considero importante reforçar atividades que estimulem a atenção e concentração.

________________________________________________________________________________

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.

quarta-feira, 21 de março de 2018

Como organizar documentos para o conselho de classe


Olá.

O ano passa rápido, não é mesmo? Já estamos no meio de março e logo, logo começa a corrida rumo ao conselho de classe.

Muitas vezes deixamos as coisas para a última hora e quando nos damos conta falta apenas uma semana para o conselho de classe acontecer e temos que preparar relatórios, gráficos, documentos, diário, fechar notas, tudo em cima da hora.

Para evitar que isso aconteça hoje tenho algumas dicas práticas para você organizar seus documentos para o conselho de classe e ficar sem preocupações de última hora.

Então vamos conferir as dicas:

1 – Faça um levantamento de tudo que você precisará levar para o conselho.

 Cada escola realiza o conselho de uma maneira, algumas pedem relatórios, notas e pilhas de documentos, outras já preferem conversar mais e ter menos papeis para analisar.

Se for necessário procure a direção ou coordenação da escola e pergunte, assim não corre o risco de colher informações errôneas.

2-  Verifique o que já está pronto

. Agora, que já tem a lista dos documentos que precisará apresentar, verifique o que já tem feito.

Por exemplo, se sua escola pede relatórios geral da turma, notas com médias fechadas e um gráfico de evolução, veja o que tem pronto, se já aplicou as avaliações e corrigiu, já tem as notas, nesse caso só falta fechar as médias. Anote o que precisa fazer e o que já está pronto.

3 - Faça uma lista de prioridades.

 Olhe sua lista de tarefas, veja tudo o que tem para fazer, agora selecione o que é mais urgente.

O diário de classe tem um prazo maior para entregar? Até alguns dias depois do conselho? Então ele pode ficar para depois.

O relatório da turma deve ser apresentado no dia do conselho? Então comece a elaborar.
Precisa fechar as notas? Então comece a aplicar suas avaliações. Não se esqueça que precisará de um prazo para corrigir e lançar as notas.

4 – Saiba quanto tempo leva para executar cada tarefa.

Faça uma reflexão sincera, quanto tempo precisa para corrigir 30 avaliações. E para digitar as notas.

Mensure isso com atenção, se for preciso marque no relógio o tempo que gasta com uma tarefa, assim saberá exatamente quando começar para não ficar com seus documentos atrasados.

5 – Não procrastine

Evite perder tempo na sala dos professores ouvindo “aquela colega”  reclamar da vida ou que tem muito trabalho.

Aproveite o tempo em que está na escola, cada minuto. Concentre-se na execução de uma tarefa e mantenha o foco, não deixe os outros o distrair, se não quem vai ficar com mais trabalho e acabar levando serviço para casa é você.

Se for preciso procure um lugar mais calmo, fique na sala de aula, se sente na arquibancada da quadra, num banco  em qualquer cantinho mais calmo ou coloque um fone no ouvido com uma música que não atrapalhe sua concentração.  Seus colegas podem até fazer piadas e estranhar seu comportamento, mas quando  a data do conselho se aproximar e você estiver com tudo pronto e eles sobrecarregados levando trabalho em excesso para casa, você verá que o esforço valeu a pena.

6 – Execute uma coisa de cada vez

 Mantenha o foco e termine uma tarefa para iniciar a outra, seguindo sua lista de prioridades.

Bom, minhas dicas são essas, é assim que eu trabalho e vêm dando muito certo.

Eu espero que gostem.

Um grande beijo e até mais.